4 results for month: 11/2017


As perguntas mais frequentes – parte 2

... (Continuação do artigo anterior) 6 - Quantas sessões é que são necessárias? O número de sessões não depende dos sintomas apresentados, mas da pessoa, da sua história pessoal e até que ponto os sintomas estão ligados àquela pessoa. Por exemplo, uma simples dor nas costas exactamente igual em duas pessoas diferentes, pode para uma ficar resolvida numa sessão e para a outra só depois de algumas sessões estar resolvida. Isso acontece pois nunca se sabe qual a ligação que um sintoma tem em cada pessoa. Na primeira era algo superficial, na outra estava ligada a várias questões, que só depois das mesmas estarem resolvidas é que ...

As Semelhanças da Diferença: Grupo de Sangue O

“Para poder ter a nossa casa em equilíbrio e para que os alicerces se mantenham firmes é necessário ter uma base sólida. Se por acaso não a temos, o melhor mesmo será destruir e voltar a construir. A estrutura deve estar bem montada para que a casa se possa manter.” A primeira vez que ouvi isto fez claramente todo o sentido. Se construirmos uma casa em areias movediças, como podemos esperar que esta se mantenha de pé?! Por muito difícil ou doloroso que possa parecer, muitas vezes torna-se necessário destruir, revolver e alisar a terra para depois voltar a erguer. Um dos três componentes que forma essa base é precisamente a ...

As perguntas mais frequentes – parte 1

Enquanto fui aprendendo medicina, psicologia e as várias técnicas terapêuticas inerentes a estes dois temas do conhecimento humano, sempre me foi muito fácil responder às questões que me faziam. Percebi mais tarde, que não era pela minha grande capacidade de comunicação, mas porque aquilo que fazia se aproximava ou encaixava na lógica do conhecimento ou nas referências que as pessoas que me questionavam tinham. Os problemas de comunicação a sério começaram quando comecei a fazer algo que não se encaixava no conhecimento geral, TESED – Medicina Holística Integrada, e aí percebi as minhas limitações e incapacidades comunicativas. ...

“BOWL” de Couve-flor

Ingredientes 1 Couve-flor 1 Medida de bulgur de cevada (ou outro cereal) Amêndoas Azeite Sal (utilizo sal integral) Ervas aromáticas a gosto (salsa, endro e cebolinho) Modo de Preparação - Comece por preparar o bulgur. Num tacho colocar 2 medidas de água para uma de bulgur e colocar em lume médio até a água começar a ferver. Assim que ferver juntar o bulgur e o sal e deixar cozinhar em lume baixo durante 15/20 minutos. - Entretanto corte a couve-flor em pequenos pedaços e leve ao forno pré-aquecido a 200ºC num tabuleiro cerca de 10 minutos ou até ficar macio. - Se as amêndoas tiverem pele demolhar em água a ferver por alguns ...